Criação de conteúdo: Porquê e como criar um conteúdo de valor

João Dalferth

João Dalferth

Adoro passar horas e horas consumindo conteúdos de marketing digital. Final de semana é dia de maratona de seriados e pipoca. XD

Compartilhe esse conteúdo nas redes sociais!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on google
Criação de conteúdo: Porquê e como criar um conteúdo de valor

No mundo do marketing digital, a criação de conteúdo de valor para seu público é uma peça fundamental para você obter autoridade se tornar referência no mercado.

No entanto, muitos ainda acreditam que o fato de terem um site institucional, uma página no Facebook ou no Instagram, já é o suficiente para trazer milhares de novos clientes para empresa. Porém, não é bem assim que funciona.

Por que a criação de conteúdo de valor afeta meu site na rede de pesquisa do Google?

Hoje em dia, é muito importante e quase uma obrigação, que as empresas tenham um site, uma página no Facebook e Instagram ou em outras redes sociais. Pois, o fato de uma pessoa entrar no Google para pesquisar algo e encontra o site da sua empresa na primeira página, traz uma credibilidade enorme.

E quando o seu site tem um conteúdo que transforma a vida daquela pessoa, posteriormente ela tende a voltar e recomendar ele a outras pessoas. E por isso a criação de conteúdo é tão importante para o site de uma empresa.

Para você entender melhor vamos imagina a seguinte situação.

Uma determinada pessoa com potencial para ser sua cliente está com um problema. Então, ela vai até o Google para tentar achar algo que possa ajudá-la. Então eu pergunto a você, qual a chance dessa pessoa achar a sua empresa nos resultados do Google?

Se você não sabe responder eu sugiro que depois que você terminar a leitura, pegue um papel e uma caneta e escreva pelo menos 5 perguntas que um cliente seu teria que fazer para encontrar a sua empresa.

Por exemplo, digamos que sua empresa seja uma academia:

            – “Como calcular o peso ideal para minha idade e altura?”

Quando você escrever pelo menos 5 perguntas como essa citada acima, entre no Google pesquise elas e veja se o site da sua empresa aparece pelo menos na primeira página. A menos que você esteja pagando por isso, se você não aparecer em primeira página, recomendo seguir nossas dicas e começar a criação de conteúdo o quanto antes. Hehe

Regras para serem seguidas na criação de conteúdo

Criação de Conteúdo: Regras para a criação de conteúdo de valor

Primeira regra: Conteúdo de valor deve ter exemplos de valor!

Primeiramente, antes de ensinar a vocês o que é um conteúdo de valor, preciso ensinar sobre o que não é um conteúdo de valor.

Conteúdo sem valor é todo aquele que a pessoa absorve e continua sem entender nada. É aquele que não muda em nada a vida do leitor. É aquele que depois de 1 minuto a pessoa nem lembra mais o título do artigo. Toda e qualquer informação que não melhora ou transforma a vida de quem está consumindo é um conteúdo sem valor.

Criação de Conteúdo: Não distribua conteúdo sem valor

Só para exemplificar e você entender bem irei mostrar alguns exemplos.

Nesse exemplo a seguir, digamos que existam dois artigos com o seguinte tema:

“Como estar na primeira página do Google”

            – Artigo 1: Nesse artigo cita o que você precisa ter no seu site para estar na primeira página do Google.

            – Artigo 2: Nesse artigo cita o que você precisa fazer no seu site e como fazer para estar em primeira página e mostra como fazer.

Qual dos artigos você acha que tem um conteúdo de valor?

Se você disse Artigo 2, acertou mizeravi haha

“Mas por que o artigo 2?”

Tendencialmente os artigos que tem exemplos práticos como também mostram como colocar em prática o que está sendo ensinado, tem muito mais engajamento (Interações do público) e são aqueles com as melhores posições nas redes de pesquisa. Ou seja, o artigo 2 tem um conteúdo de valor, pois, ele diz o que precisa ser feito e mostra como fazer, diferente do artigo 1.

Segunda regra: Mostre o conteúdo para uma pessoa fora do seu negócio

Criação de Conteúdo: Mostre o conteúdo para uma pessoa fora do seu negócio

Quando você for produzir um conteúdo para sua empresa, sempre tenha em mente que quem for consumir esse conteúdo, deve entender tudo que está sendo ensinado, mesmo que a pessoa não entenda nada sobre o seu assunto.

Entretanto, tenha cuidado para não se deixar levar pelo pensamento que da para entender tudo e achar que quem está consumindo irá entender a linguagem técnica. Muitas vezes quando estamos criando um conteúdo, acabamos colocando algumas linguagens técnicas do negócio com o intuito de que ficará bem explicado, todavia, para quem está consumindo pode ser motivo para acabar se perdendo e não entendendo mais nada do que está sendo ensinado.

E algumas pessoas param e vão pesquisar sobre. Porém, acabam não voltando mais.

Vale a pena pedir para uma pessoa de fora da sua empresa ler e ver se ela entende. Muitos sugerem pedir para mãe ler, mas eu não confio muito na minha, você sabe como é mãe né? Por mais feio que o filho seja, para ela sempre será a pessoa mais linda do mundo e com seu conteúdo não será diferente. Hehe

Terceira regra: Imagens ajudam a fixar o ensinamento.

Criação de Conteúdo: Use imagens para fixar o ensinamento

Já ouviu aquele ditado “Uma imagem vale mais que mil palavras”?

Procure sempre usar imagens em seu artigo, pois, elas ajudam a complementar o seu texto. Entretanto, você deve saber qual tipo de imagem usar em cada etapa do artigo.

Quando você quiser ilustrar o início de uma seção, use imagens que representam o tema que será tratado.

Exemplo:

            Título: Aprendendo a usar o Gmail.

Criação de Conteúdo: Use imagens ilustrativas

Agora quando quiser fixar o que está sendo ensinado dentro da seção, use imagens práticas.

Exemplo:

            Título: Como enviar um e-mail com cópia oculta no Gmail.

Criação de Conteúdo: Use imagens práticas

Observe os títulos e como as imagens estão representando esses títulos. Tente aplicar isso em seu artigo, pois as chances dos usuários entender o que você está querendo ensinar vão aumentar muito.

Se ainda tiver dúvidas, olhe como esse artigo está estruturado entre os títulos e imagens e você terá uma compreensão melhor.

Quarta regra: Não se afaste da Big Idea

Criação de Conteúdo: Não se afaste da Big Idea

Você sabe o que é Big Idea?

Em resumo geral Big Idea é a ideia principal do artigo, é o principal ensinamento que você está querendo passar no conteúdo.

Um exemplo para você está nesse artigo. A ideia principal dele é te mostrar o porquê e como criar um conteúdo de valor para o seu negócio.

Agora imagine que nessa seção, eu começasse a lhe ensinar o que é Big Idea. Eu estaria me distanciando da ideia principal do artigo, não é mesmo?

Todavia, não deixe de passar pelo menos uma base para o usuário. Quando o usuário vê em seu artigo algo que eles não entendem e você não explica o que é, a tendência é que ele pare imediatamente a leitura e vá pesquisar sobre o que é aquilo e quase sempre não voltam.

É por isso que a segunda regra é muito importante!

Tipos de conteúdo

Até o momento foi citado um tipo de conteúdo em específico, que são os artigos para sites blogs. Entretanto, existem vários tipos de conteúdos que você pode produzir usando essas mesmas regras citadas acima.

Se você não gosta muito de passar um tempo escrevendo um artigo para o seu site blog, você pode produzir um vídeo usando as regras que você aprendeu e pedir para uma pessoa extrair do seu vídeo, um texto para colocar no seu site blog.

Se você não gosta de gravar vídeos, nem de escrever, mas gosta de falar, você pode gravar Poadcasts.

Poadcasts são conteúdos em áudio que você pode produzir e colocar em seu site blog. E nos poadcasts você também pode pedir para uma pessoa extrair o conteúdo em forma de texto.

Geralmente sites que usam poadcasts como conteúdo, tendem a colocar o áudio acima de todo conteúdo de texto, dessa forma, o usuário pode ir ouvindo e acompanhando o texto. Isso agrega muito valor e ensinamento para quem está consumindo o seu conteúdo!

Existem vários outros tipos de conteúdos que você pode começar a criar hoje mesmo para conseguir autoridade e se tornar referência em seu mercado.

Nesse artigo você aprendeu a importância de produzir conteúdo para o seu negócio e as regras que você deve seguir para produzir um conteúdo de valor.

Se você gostou ou ficou alguma dúvida é só deixar nos comentários abaixo ou entrar em contato pelo formulário de contato, que vamos adorar saber!

Compartilhe com seus amigos e até a próxima.

Compartilhe esse conteúdo nas redes sociais!

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on google
Google+

Comente abaixo. Gostamos de interagir com você!